A terceirização é uma solução muito adotada por empresas que buscam uma forma mais moderna de administrar. O serviço é de extrema importância para a cadeia econômica e permite que os diretores se concentrem em seu principal foco de atividade, aliviando a ocupação com funções secundárias. Mas atenção, terceirizar não significa desvalorizar setores dentro da empresa, pelo contrário, a atividade é uma forma de melhorar a organização interna.

Um bom exemplo de atividade que pode ser terceirizada e contribuir para a otimização da produção é a montagem de kits e embalagem de produtos. Além de direcionar para um prestador de serviços essa responsabilidade, a empresa ganha espaço e material humano para utilizar em outras áreas produtivas.

Como exemplo, dá para citar a linha de kits montados pela BPLog. Os kits são diferentes, com certa variedade de componentes e o serviço terceirizado garante o padrão de qualidade, além de dar garantias de prazo, o que não compromete o cronograma produtivo ou de entrega da empresa contratante. Os kits e os produtos são identificados por códigos e, com isso, a empresa tem o controle de estoque em tempo real, controlando mais facilmente as reposições. Lembrando que a montagem segue as instruções da contratante e a embalagem pode ser confeccionada como skin-packing, cartela com blister, caixas de cartolina, saco plástico selado com ou sem etiqueta de identificação ou código de barras EAN 13.

Não deixando de mencionar que, além da montagem de kits, a terceirização pode envolver mais soluções como: recebimento e armazenamento de materiais, separação de pedidos (picking), abastecimento da linha de produção, manuseio e movimentação interna, embalagem e expedição de produtos, gestão de almoxarifado, realização de inventários, fornecimento e manutenção de equipamentos de movimentação.

Informe-se!