Segundo a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), lei nº 12.305, o setor empresarial é responsável pela coleta e restituição dos resíduos sólidos para reaproveitamento no ciclo produtivo. Ou seja, são os fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes responsáveis por dar o destino correto aos produtos no final de sua vida útil.

Apesar deste acordo, muitas empresas ainda desconhecem que a logística reversa pode trazer benefícios não só para o meio ambiente, mas também para seus negócios.

 

Por que investir?

Basicamente, a função da Logística Reversa é fazer com que materiais sem condições de ser reutilizados voltem ao ciclo produtivo ou vão para uma outra indústria como insumo. O objetivo é evitar que recursos da natureza sejam extraídos desnecessariamente ou garantir um descarte ambientalmente correto para produtos ao final de sua vida útil.

Diante do acordo que estabelece as responsabilidades das empresas quanto ao fluxo físico de produtos, embalagens e outros materiais, a Logística Reversa precisa ser levada à sério. A atuação pode ser de diversas formas, desde o recolhimento de mercadorias por motivo de desistência ou defeito até a destinação correta de um produto inutilizado.

 

Quais os benefícios?

armazenagem_bplogMuitas empresas ainda deixam a Logística Reversa dos produtos que fabricam ou comercializam de lado. Agora, já pensou no dinheiro que poderia ser economizado com a adoção desta prática?

Se considerarmos que o “lixo de hoje” pode se tornar uma fonte lucrativa no futuro e que a reutilização de materiais reduz os custos na produção da empresa, os benefícios da logística reversa podem ir além de questões ambientais.

Por exemplo, ao incluir resíduos de produtos que chegaram ao fim de sua vida útil na cadeia produtiva, é possível economizar nos processos de produção e também reduzir o consumo de matéria-prima. Outra vantagem é poder criar embalagens e produtos que vão ser reciclados muito mais facilmente.

Do ponto de vista sustentável, a Logística Reversa pode reduzir o impacto ambiental causado pelo descarte incorreto de materiais. Como consequência, teremos uma qualidade de vida melhor e clientes mais satisfeitos com a postura de empresas ambientalmente corretas.

 

O que envolve?

A Logística Reversa exige uma estrutura complexa para recolher, armazenar e tratar os materiais recolhidos. O primeiro passo é criar uma rede de distribuição reversa eficiente e integrada com à outras operações logísticas da sua empresa. Também é fundamental planejar a reutilização de resíduos ou produtos com defeito, garantindo que tudo seja feito de acordo com a legislação e também com os objetivos empresarias. Para obter bons resultados com a logística reversa ainda é essencial pensar no  rastreamento e controle de inventário bem como em um sistema de armazenagem e distribuição diferenciados.

Tudo isso faz com que a implantação deste processo tenha um investimento inicial relativamente alto. Porém, é importante ter consciência sobre tudo que esta ação significa, até mesmo para poder orientar funcionários e clientes quanto à esta mudança que tende a trazer muitos benefícios para todos.

Para que sua empresa possa se preparar e compreender a importância da Logística Reversa, a BPLog oferece o serviço de consultoria. Para saber mais, entre em contato conosco.