Categorias
Logística

Armazenagem de Alimentos: a BPLog aposta em novo segmento

04-empresa-estoque-foto-03

A BPLog, em setembro desse ano, ampliou seu nicho de atendimento e conquistou um maior espaço no mercado. A empresa firmou um novo contrato, em que será responsável por um novo segmento: a armazenagem de alimentos. O novo contrato foi assinado com uma empresa de Curitiba – PR, que teve sua identidade preservada.

A armazenagem de alimentos requer diversas especificações. A BPLog teve de adequar sua estrutura de armazenagem destinando algumas áreas dentro de seu armazém para melhor acomodar as mercadorias.

Os meios de armazenagem do alimento devem ser frescos, ventilados e iluminados. Essas áreas devem necessariamente ser mantidas limpas, livres de resíduos e sujeiras para evitar a presença e aninhamento de insetos e roedores. Além disso, é recomendado que, periodicamente, sejam higienizadas e desinfetadas com produtos apropriados.

Segundo Mauro Marques, coordenador comercial, a estratégia de crescer neste segmento é acertada. “A BPLog já é conhecida como especialista em Intralogística (terceirização de operações), Consultoria e Treinamentos. Agora estamos em fase de crescimento na Armazenagem; além de iniciarmos trabalhos como Filial Fiscal para alguns clientes, o segmento de Alimentos é um segmento que sempre apresenta demanda crescente”.

 A BPLog conta hoje com estrutura referência em armazenagem. Além de oferecer moderna estrutura a empresa possui sistema WMS e em condomínio fechado com segurança 24 horas.

Categorias
Logística

BPLog Logística e Pequeno Príncipe juntos pela vida

pequeno_principe_equipe_bplogO Complexo Pequeno Príncipe conta com as Faculdades Pequeno Príncipe, para formação de profissionais da saúde para o cuidado de adultos e crianças, o Hospital Pequeno Príncipe, especializado no atendimento de crianças e adolescentes nas mais diversas especialidades e o Instituto de Pesquisa Pelé, unidade avançada de pesquisas para o tratamento e cura de doenças infantis.

O Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe foi criado em 2005, vem desenvolvendo pesquisas da área básica e clínica em doenças complexas da infância, conta com cientistas que estão à frente de dezenas de projetos inovadores, com importantes publicações científicas que buscam alternativas para cura e melhoria de vida de crianças e adolescentes portadores de doenças graves.

A BPLog Logística é uma apoiadora do Instituto de Pesquisa Pelé Príncipe, participando do Gols Pela Vida, um programa de responsabilidade social.

Em visita recente, o diretor comercial da BPLog, Marcus Vinicius Calvo Pardo, resumiu sua impressão: “ Não imaginava a quantidade de crianças atendidas, provenientes de todo o Brasil, que o Complexo Pequeno Príncipe apoia.  Não tem preço ver o sorriso das crianças e ver a esperança estampada em seus rostos.  Nosso apoio na pesquisa vem de encontro a um dos valores da empresa (Bem Estar) e deixa toda nossa equipe com muito orgulho”.

Conheça mais sobre este trabalho incrível e importantíssimo que a BPLog orgulhosamente apoia: http://www.golspelavida.org.br/

Categorias
Logística

Armazenagem e o estoque moderno

 

Já falamos aqui no blog sobre a importância do estoque e os problemas que uma má administração pode trazer à empresa. Hoje iremos comentar sobre as novas tendências e o que é previsto para esse setor da logística.

 

Sincronização

Um fato que se deve bastante ao crescimento do e-commerce é a sincronização da estocagem. Devido ao dinamismo do ramo, os armazéns têm entrado em uma fase onde o foco está justamente na movimentação.  Cada vez mais as empresas se esforçam para armazenar apenas a quantidade de reposição realmente necessária.

 

Produção

Para que essa sincronização aconteça no processo de estocagem, o programa de produção deve ser dinâmico e em tempo real, não desconexa como anteriormente. O armazém tende a se tornar um espaço reservado à estocagem estática, baseada na movimentação.

 

E na sua empresa, como funciona a estocagem? Aproveite para conhecer nossos serviços de armazenagem e continue acompanhando nosso blog para ficar por dentro das tendências na logística moderna.

Categorias
Serviços logísticos

Gestão Logística: os cases de sucesso da BPLog

Já falamos aqui no blog sobre as situações em que vale a pena terceirizar as operações logísticas. Em geral, é importante saber que uma gestão inteligente, feita por profissionais qualificados faz toda a diferença e traz inúmeros benefícios para a sua empresa. A BPLog oferece diversos serviços e soluções  na área de logística, confira alguns cases de sucesso.

 

Gestão de Logística

Procurando mais agilidade no atendimento, qualidade das embalagens dos produtos e assertividade entre pedidos colocados e produtos recebidos no destino final, a Arte em Flor confiou a guarda e as execuções inbound e outbound dos seus produtos no armazém da BPLog.  Dessa forma, a Arte Flor pôde focar seus esforços naquilo que é seu mais forte diferencial; a negociação e comercialização dos produtos, tendo a BPLog como a sua principal parceira na gestão da Logística.

 

Terceirização de Armazenagem

Na busca por uma profissionalização do processo logístico e melhores condições de armazenagem da empresa, a Compagás buscou a BPLog, que fez um mapeamento detalhado dos processos e montou uma equipe especializada para assumir a operação. A partir disso, foram criados procedimentos operacionais, endereçamento de almoxarifado, layout logístico de um novo armazém, além de instituição de inventário cíclico / rotativo e aquisição de equipamentos e estruturas mais adequados.

Com isso, e empresa melhorou processos de conferência dos estoques, pedidos expedidos e cargas recebidas, diminuindo os riscos de falhas de estoques. Como consequência,  conquistou maior agilidade e qualidade no atendimento das demandas dos clientes internos e externos.

 

Reestruturação da Logística e Operações

Para reduzir custos com armazenagem e melhorar o nível de serviços em transportes e distribuição, a Alltech precisou de uma reestruturação na área de Logística e suas Operações. Esse processo contou com diferentes projetos logísticos buscando, por exemplo, focar na verticalização da estrutura e aquisição de equipamentos adequados, eliminar rotas redundantes, simplificar embalagens e ter maior empilhamento de produtos em paletes.

Com esses processos integrados, a empresa teve como resultado um melhor aproveitamento dos armazéns e maior lucro a longo tempo. Isso pelos processos e tempo que passam a ser economizados. Além, é claro, da satisfação dos clientes e colaboradores.

 

Para ler mais sobre os cases apresentados e saber como é possível obter as melhores soluções logísticas para sua empresa, acesse nosso site: www.bplog.com.br.

Categorias
Logística Serviços logísticos

BPLog fecha parceria com Sindiarmazéns-PR

A convite do Sr. Presidente José Canisso, a BPLog passa a ser parceira do Sindicato dos Armazéns Gerais do Estado do Paraná e prestará serviços de Treinamentos em Logística e Supply Chain para seus associados e filiados.

A BPLog tem o prazer em fazer parte deste novo projeto e agradece a confiança depositada nesta parceria. Esperamos contribuir para o aumento do conhecimento dos colaboradores de cada empresa participante. Os treinamentos são uma forma de dar continuidade ao processo de renovação e melhoria da Logística.
Desejamos a todos muita sorte e sucesso!

SINDICATO DOS ARMAZÉNS GERAIS DO ESTADO DO PARANÁ

Endereço: Av. Iguaçu, nº 2947, 12º andar, sala 123/124 – Água Verde – CURITIBA – PR

CEP: 80240-031

Telefone(s): (41) 3029-8014

Fax: (41) 3343-3440

Email contato: contato@sindiarmazenspr.org.br

Presidente: JOSÉ CANISSO

Mais informações acesse: www.sindiarmazenspr.org.br

Categorias
Intralogística Logística

A cadeia de suprimentos como a menina dos olhos da logística

O blog da BPLog aprofunda conhecimentos de maneira que todos os leitores do blog tenham acesso a informações relevantes sobre logística, desde o profundo conhecedor da área até o mais leigo. Como a cadeia de suprimentos é um dos assuntos que sempre está em evidência, falaremos sobre a sua importância dentro da ordem produtiva e em que a sua gestão adequada pode contribuir para o melhor desempenho mercadológico da empresa, ou seja, torná-la mais competitiva e com reais chances de abocanhar grandes fatias da “pizza de negócios”.

O planejamento da cadeia de suprimentos envolve produção industrial, estoques, transporte, a compra dos mesmos e a organização de toda a demanda. Imagine que uma obra vai começar em uma residência. Para resumir o processo, é preciso ter um projeto definido, a assinatura do engenheiro, a aprovação da prefeitura, data para começar, data para terminar, o pedreiro e o material. Imagine que o pedreiro chega para trabalhar na segunda-feira e não encontra nem areia, nem cimento, porque o responsável pela obra ainda não terminou de fazer os orçamentos nas lojas de material de construção. É atraso na certa, prejuízo na certa e muita dor de cabeça. Isso que quando se trata de uma obra da construção civil já se trabalha com atrasos eminentes por conta o mau tempo, intempéries no terreno ou algo do gênero.

Transportando o exemplo para a cadeia industrial, já pensou faltar matéria-prima ao ligar as máquinas? Claro que a administração dos setores de uma empresa é muito mais complexa do que uma obra residencial, com o agravante de que um simples atraso interfere na demanda de inúmeros outros clientes.

Estamos falando dos mínimos detalhes, portanto, muito provavelmente trataremos de empresas bem encaminhadas nesse sentido e de outras que ainda patinam na má gestão logística. Mas o que é possível fazer para aprimorar?

O planejamento estratégico da cadeia de suprimentos envolve decisões sobre organização. Os produtos, a localização, as remessas, entre outras coisas chamadas de objetos precisam entrar como parte da estrutura do todo, afinal, interagem uns com os outros baseados em regras operacionais que precisam estar claras, desde a retaguarda até a ponta final da distribuição. É aí que entram customizações da logística interna para evitar as falhas, ou mesmo, as antecipar.

Também não dá para esquecer que a logística interna trabalha com indicadores de desempenho para mensurar os resultados e formatar ações de melhoria continua nos processos da operação. Se a empresa não tem o know-how para detectar problemas ou mesmo encontrar soluções a partir de indicadores, que podem ser inclusive a diminuição do lucro ou o gasto excessivo de materiais, ou mesmo uma sobra que não se sabe ao certo de onde está vindo, há no mercado prestadoras serviços logísticos terceirizados, como a BPLog, que atuam desde a consultoria logística até a gestão completa das operações. Cabe ao empresário e aos diretores decifrar as suas deficiências e apostar em mudanças, caso sejam necessárias.

Bons negócios a todos.

Categorias
Logística

Os desafios e a eficiência dos centros de distribuição

Os Centros de Distribuição, conhecidos como CDs, podem ser o anjo da guarda ou o caos dentro de uma organização. Quem é administrador de empresas ou trabalha no setor de logística sabe o quanto eles podem causar transtorno, se mal gerenciados. O incômodo ou o sucesso desse espaço, às vezes apelidado de “mal necessário”, é algo cada vez mais desafiador, pois requer a contratação e manutenção de bons profissionais, pressão por produtividade e condições para o seu aumento, incluindo posicionamento no mercado.

A grosso modo, os Centros de Distribuição surgiram para diminuir custos e, consequentemente, aumentar o faturamento ao possibilitar um melhor controle de preços por meio de estoques. As companhias armazenam os produtos, sejam eles quais forem, e teoricamente coordenam melhor o fornecimento e a demanda, produção e transporte, tempo de entrega e disponibilidade do produto. É a administração coerente desses dados que reduz os custos. O descontrole dessas atividades, na prática, podem levar ao prejuízo e ocasionar a pior das situações financeiras de uma empresa: trabalhar o mês atual para pagar o anterior.

Soluções que envolvem logística
A melhor forma de gerenciar os CDs é fazer com que eles gerem valor por si mesmos. Empresas interessadas nos avanços de gestão têm terceirizado a logística do setor ou buscado consultoria especializada na área. Para atender a esse desafio, empresas como a BPLog têm aumentado o foco na gestão logística para introduzir nas empresas contratantes a ideia de que o cliente é, na verdade, uma pessoa que toma decisões em nome da empresa e exige a qualidade dos serviços. O mesmo acontece com o consumidor final. Ele deixa de ser um número estatístico e se torna uma pessoa real e fiel a uma empresa que demonstra cuidado com os prazos, qualidade dos materiais, atendimento e preço justo.

Claro que não são somente os CDs os responsáveis pelo sucesso ou derrocada de uma companhia, mas eles têm forte influência e podem se tornar um pilar de sustentação da estratégia empresarial. É aí que a terceirização se encaixa como uma luva. A situação econômica atual do Brasil tem causado dificuldade na gestão de mão de obra. Quanto mais especializada ela for, mais ela se torna escassa pela própria história cultural do país, na qual a escolarização é algo caro, ou seja, dificilmente vai aparecer um meio termo para preencher o vácuo entre o nível baixo de estudo e o alto. A gestão terceirizada da mão de obra vem para solucionar o problema, pois a preocupação se volta para o serviço em si, sem discussão sobre a capacitação ou rotatividade de pessoal, de responsabilidade da terceirizada.

Se os Centros de Distribuição estão em caos dentro da empresa, é preciso rever a administração deles. Há que se pensar na concorrência e imaginar, ou mesmo levantar pesquisas a respeito, que os espaços para os não-profissionais estão diminuindo. Mesmo as empresas que tem uma boa gerência podem melhorar ainda mais a sua gestão e realmente transformar os CDs em anjos da guarda, tornando-os um “bem necessário” produtivo e acelerador do crescimento.

Categorias
Logística

A armazenagem como forma de otimização de custos

A armazenagem é uma das facetas mais importantes da logística e, cada vez mais, as empresas procuram otimizar os seus espaços e profissionalizar os operadores para atender à demanda da melhor maneira possível, o que significa minimizar custos. Mais ainda, tal procedimento se reflete em quase todos os departamentos, tornando o atendimento ao cliente mais veloz e eficaz, o que agrada, e muito, aos empresários, prestadores de serviço terceirizado e consumidor final.

Logística e Armazenagem
A BPLog Logística presta serviços de armazenagem dando a opção de terceirização de armazém, entre outras atividades tais como:

  • Recebimento (carga solta e paletizada).
  • Separação.
  • Movimentação.
  • Picking e Packing.
  • Inventário.
  • Montagem de Kits.
  • Logística de Marketing Promocional.
  • Expedição.

Objetivos de Planejamento de Operações
No armazém, partindo da premissa de que algumas atividades precisam ser realizadas em uma rotina harmônica, podemos considerar que a armazenagem não é apenas o ato de guardar ou hospedar materiais, envolve a sua movimentação em outras atividades:

  • Recebimento do Material.
  • Descarregamento, Inspeção e Separação.
  • Movimentação.
  • Consolidação.
  • Unitização ou Paletização.
  • Resolução de problemas de documentação.
  • Carregamento.
  • Embalagem.
  • Controle de temperatura e umidade.

Além disso, envolve toda a parte de dimensionamento e aproveitamento de espaço, incluindo a otimização de ordem de saída dos materiais, considerando época e procura dentro do mercado em que estão inseridos:

  • Dimensionar instalações e áreas de forma eficaz.
  • Minimizar os custos operacionais de armazenagem mantendo o nível de serviço desejado.
  • Especificar equipamentos e sistemas no contexto planejado.
  • Maximizar a utilização efetiva do espaço.
  • Otimizar os fluxos físicos e de informações.
  • Prover flexibilidade.

E essas decisões são baseadas em:

  • Tipo de produtos.
  • Unidade movimentada (paletes, caixas, fração,…).
  • Mix movimentado.
  • Critérios de operação (FIFO, LIFO, FEFO).
  • Giro dos produtos.
  • Prédio, layout, budget.

Considerações
Não se pode perder de vista que a terceirização da logística pode ocorrer diferentes áreas dentro de uma mesma empresa. E esses serviços de logística interna, incluindo armazenagem, quando realizados por uma empresa especializada favorece o crescimento mercadológico, ou seja, é algo muito importante para se pensar em termos de estratégias de administração.

Categorias
Intralogística Logística

Montagem de kits para a Copa do Mundo 2014

Sempre que há grandes eventos no país as empresas aproveitam a deixa para promover a sua marca, seus produtos ou simplesmente agradar um pouco mais a seus clientes. Agora em 2013, com a Copa das Confederações, e em 2014, com a chegada da Copa do Mundo, o ambiente no Brasil estará bastante propício para a montagem e distribuição de kits com o tema futebol.

Nesse contexto, é interessante se planejar junto a empresas de logística para não correr riscos de perder o “time” e acabar perdendo o material. Fazendo uma projeção, é muito provável que no país inteiro haja bastante procura por esse tipo de ação e quem sair na frente leva vantagem, principalmente as empresas instaladas nas doze cidades-sede da Copa, distribuídas por cinco regiões brasileiras e que terão investimento inicial calculado em mais de R$25 bilhões, distribuídos para melhorias de infraestrutura de aeroportos, estádios e novos sistemas de transportes.

A expectativa da BPLog é que, mesmo com os intempéries corriqueiros da organização de eventos dessa magnitude, o Brasil consiga fazer uma das melhores Copas do Mundo da história, já que somos os país do futebol e os maiores campeões do mundo de todos os tempos. E isso com certeza vai se refletir no mundo dos negócios. A BPLog esta preparada para atender seus clientes em Logística de Marketing Promocional, disponibilizando espaço para armazenagem de produtos e pessoal qualificado para a montagem de kits.

Categorias
Intralogística Logística

Como a logística vai funcionar na Copa do Mundo de 2014?

A grande festa do futebol será no Brasil em 2014 e as preparações para o evento são muitas. Sem entrar em detalhes sobre atrasos ou falhas pontuais de infraestrutura que remetem a falta de organização, estádios estão sendo construídos ou reformados, sobram investimentos em aeroportos, em adequações de transporte e vias nas cidades-sede e nos meios de comunicação a Copa do Mundo no Brasil é tema diário, mesmo por que, uma prévia do evento acontece ainda em 2013 com a Copa das Confederações.

O ramo logístico é um dos mais interessados no assunto. De acordo com a Fiesp de São Paulo, “o total de investimentos, público e privado, previsto é de R$ 183 bilhões. A expectativa é de que 710 mil novos empregos sejam gerados, sendo 330 mil perenes. E o país espera aproximadamente 3,1 milhões de turistas estrangeiros”. A distribuição desses números, sem dúvida, passará pela área logística, desde a organização de pequenos setores empresariais até o vai e vem de operários e material bruto para as obras. Tamanha importância do setor gera euforia e incentiva o planejamento, já que é impossível tudo dar certo sem ele.

No Brasil, e agora fazendo um recorte para Curitiba, Paraná, uma das cidades-sede, a preocupação é sanar o quanto antes os possíveis problemas de infraestrutura que precisam estar a contento para receber um evento do porte de uma Copa do Mundo. A capital paranaense talvez seja uma das cidades mais bem preparadas, incluindo nisso a finalização das reformas no estádio que receberá os jogos, mas não podemos negar que os holofotes do mundo todo estarão voltados para o país e, mais do que isso, receberemos milhares de visitantes de todas as partes do planeta. Isso assusta? Não, mas precisamos estar preparados.

O que a Copa deve movimentar
Os setores que mais deverão ser estimulados são:

  • Armazenagem.
  • Montagem de kits.
  • Transportes.
  • Construção civil.
  • Turismo e hospedagem.
  • Confecções.
  • Bebidas.

Todos eles vão precisar contar com uma organização profissional de logística, avaliando desde o planejamento, passando pela execução e terminando no acompanhamento e controle das tarefas relacionadas ao fluxo de materiais e informações, do fornecedor até o cliente final.

Finalizando, apenas queremos destacar a importância do trabalho logístico no Brasil até a Copa do Mundo e depois dela. A BPLog tem se destacado por antecipar previsões aos seus clientes e ajudando-os a implementar a melhor estratégia logística, e está atenta as necessidades e oportunidades que estão surgindo, afinal, nunca é demais antecipar o futuro e o planejamento é o sucesso para que as estratégias funcionem da maneira prevista.